Facebook lança oficialmente sua rede social para empresas

Após quase dois anos de testes, o Facebook está lançando oficialmente a sua versão de rede social para empresas. A primeira mudança com o lançamento definitivo é no nome. A plataforma deixa de se chamar Facebook at Work (Facebook no trabalho) e vira Workplace (espaço de trabalho, em tradução livre).

“Eu acredito que Workplace vai ajudar mais empresas a criar o tipo de cultura aberta que encoraja pessoas a se conectar e a compartilhar”, escreveu Mark Zuckerberg em uma postagem em sua página do Facebook.

Este é o primeiro esforço do Facebook voltado completamente a empresas. O espaço é bastante rentável para empresas e tem nomes tradicionais (Microsoft, por exemplo) e mais novos (como Slack) competindo.

Workplace tem como objetivo conectar pessoas que trabalhem em uma mesma empresa. O visual é extremamente similar ao da rede social aberta a todos. Em vez de o usuário interagir com seus amigos, fala apenas com colegas de trabalho. Isso deve facilitar o uso, por conta da familiaridade das pessoas com o design e os recursos.

As empresas terão que pagar uma assinatura por cada funcionário para usar a plataforma. O valor varia entre um e três dólares e depende do porte da empresa (empresas com mais funcionários pagam menos por cada um). O Slack, um forte competidor, cobra cerca de sete dólares por cada funcionário.

O Facebook havia anunciado oficialmente a plataforma em janeiro de 2015. “Quando entrei no Facebook, usávamos e-mail. Mas isso foi diminuindo com o tempo e passamos a usar o próprio Facebook como ferramenta para comunicação interna”, falou a EXAME.com Lars Rasmussen, ex-diretor de engenharia do Facebook, na época do anúncio da plataforma.

Em entrevista ao Recode, um executivo do Facebook afirmou que a empresa não pretende oferecer soluções para a produção de documentos, como alguns apps do pacote Office, da Microsoft.

O Facebook diz já ter mil empresas conectadas usando o Workplace. Até agora, no entanto, não existia a cobrança pelo uso, o que mudará daqui para frente.

Para mais informações, consulte a página oficial do Workplace.

Comments:0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *