3 dicas de ouro aos empreendedores de primeira viagem

De acordo com a empresa Neoway, uma consultoria especializada, em 2015 cerca de 1,8 milhão de empresas fecharam as portas em decorrência do cenário econômico. Esse número é o pior dos últimos cinco anos. Para o presidente da Neoway, Jaime de Paula, o dado é preocupante, pois a mortalidade das empresas aumentou em mais de 300% entre 2014 e 2015. Esses dados reforçam a tese de que para empreender é preciso muita cautela e planejamento para não entrar nas estatísticas das empresas falidas.

Acredito que para ter sucesso nos negócios é preciso errar menos e aprender com os erros dos outros. Têm sucesso nos negócios aqueles empreendedores que conseguem absorver esse ensinamento mais rapidamente. É preciso ser humilde para reconhecer a importância do outro para o nosso crescimento e poucos o são.

Com base em diversas análises e na minha experiência própria como empreendedor selecionei três dicas de fundamental importância para os empreendedores de primeira viagem. Tenho absoluta certeza que as dicas terão papel fundamental na sua tomada de decisão ou ainda na correção de rumo caso já tenha iniciado o seu empreendimento.

1ª Mantenha uma reserva para sua família: Certamente um dos erros mais comuns dos empreendedores de primeira viagem é não deixar uma reserva para “tocar” a família enquanto o negócio não prospera. Todo e qualquer negócio tem um tempo de maturação que varia de 12 a 36 meses (1 a 3 anos). Nesse tempo a vida da sua família segue, em outras palavras significa dizer que as contas continuarão chegando (Aluguel, energia, água, IPTU, prestação do carro, mercado, etc, etc, etc) e é preciso que você tenha uma reserva para bancar essas contas por um período razoável de tempo. Milhares de empreendedores não guardam essa reserva e colocam todo o seu dinheiro no negócio. O resultado é que as contas começam a chegar e ele tira o dinheiro da recém inaugurada empresa para bancar as contas da casa e fica sem dinheiro para reinvestir na empresa. O resultado muitas vezes acaba sendo catastrófico, ou seja, o empreendedor fica sem o dinheiro que tinha e sem o seu negócio. Portanto, fuja desse erro clássico.

2ª Sucesso não acontece do dia para a noite: Muitos imaginam que empreender seja algo fácil e de sucesso rápido. Lamento informar, não é! O sucesso vem em pequenas doses, dia após dia, mês após mês. Portanto, é preciso permanecer com o pensamento positivo elevado, pois a vitória pode demorar a vir. Empreendedor que não consegue manter o pensamento positivo a 100% está fadado ao fracasso. Na primeira dificuldade ele já jogará a toalha. É importante saber as noticias do mercado financeiro; é importante saber dos rumos da economia, porém, as notícias ruins não podem tomar conta do imaginário do empreendedor. Pensamento positivo e a certeza de que o sucesso pode demorar um pouco a acontecer é o que mantém o empreendedor firme.

3ª Não se compare: Outro erro muito comum dos empreendedores é se comparar com grandes players do mercado. Esse pode ser também um erro fatal. A comparação pode atingir a moral do empreendedor de tal forma que este não conseguirá ânimo para tocar o seu negócio. Não se compare com quem está há mais tempo que você no mercado! Não se compare com quem tem muito mais experiência que você! Não se compare com empresas bem maiores que a sua. A única comparação que deve ser feita é você com você mesmo. Sua empresa com ela mesma. Onde você estava no mês passado, onde você está hoje e aonde quer estar no mês que vem. Busque o conhecimento e a referência de empreendedores mais experimentados, mas, em hipótese alguma faça comparações entre vocês e suas empresas.

Portanto, é imprescindível que erre menos. Quanto menos errar mais breve você alcançará êxito no seu negócio. Espero que essas três dicas lhe ajudem a ver seu negócio por outro prisma e o sucesso lhe encontre brevemente. O cenário da economia para os anos que seguem são mais animadores. Certamente o pior já passou. Continue forte!

Fonte: administradores.com.br

Comments:0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *